7 destinos para praticar esportes de inverno - Águia Intercâmbios
7 bons motivos para fazer um intercâmbio depois dos 40 anos
11 de outubro de 2018
Um passeio pelas praias de San Diego
26 de outubro de 2018
Mostrar tudo

7 destinos para praticar esportes de inverno

Enquanto no Brasil mal podemos esperar para finalmente receber o verão com altas temperaturas e muito sol, alguns países do Hemisfério Norte já estão se preparando para dar as boas-vindas ao inverno. A segunda opção te atraiu mais? Então você provavelmente deve adorar a neve, as baixas temperaturas e todas as possibilidades de esportes que o frio traz. Então tire as roupas pesadas do armário e curta uma aventura nos melhores destinos de inverno do mundo para esquiar!

 

Whistler – Canadá

A 120 km de Vancouver, Whistler é o principal destino de inverno do Canadá. A cidade coleciona mais de 200 pistas com longas quedas verticais nas montanhas costeiras da Columbia Britânica. A excelente qualidade da neve e infraestrutura do local abriram espaço para outras atividades além de esqui e snowboard. Por lá, também acontecem trilhas arborizadas, passeio de trenó e gôndola e uma intensa vida noturna.

Courchevel – França

Parte da Les Trois Vallées, a maior área de esqui do mundo, Courchevel tem o título de estação mais famosa de toda a França. Com mais de 150 km de pistas, o destino é um complexo de 4 vilas que unem luxo e exclusividade em diferentes experiências. Estamos falando de hotéis 5 estrelas, restaurantes prestigiados, spas sofisticados e pistas técnicas para todos os níveis e idades.

Aspen – Estados Unidos

Com vasta estrutura, Aspen oferece uma incrível gama de atividades e espaços para todos os públicos. A começar pelo fato de ser divida em 4 diferentes estações de acordo com a dificuldade e 39 teleféricos. Aspen ainda se privilegia por sua intensa vida noturna, suas mais de 200 lojas e galerias e seus museus que contam a história da cidade referência em esportes de inverno nos Estados Unidos.

St. Moritz – Suíça

Foi em St. Moritz que nasceu o turismo de inverno no ano de 1864. A pequena comuna é cercada pelos Alpes suíços, além de lindos lagos e geleiras fazerem parte de seu visual. O local conta com mais de 80 pistas de esqui, mas a possibilidade de praticar outros esportes como críquete, polo e corrida de cavalo no gelo também é um grande atrativo.

Cervinia – Itália

Na fronteira entre Itália e Suíça, Cervinia está interligada à estação de Zermatt, com uma área de esquiável de mais de 350 km e 130 pistas para todos os níveis. O maior diferencial de Cervinia é sua elevada altitude, o que garante montanhas nevadas o ano inteiro. A região ainda é composta por vilarejos remotos, bares, restaurantes e resorts de luxo.

Valle Nevado – Chile

Inspirados nos padrões europeus, os resorts de esqui do Valle Nevado crescem cada vez mais entre os turistas aventureiros. A apenas 1h30 de Santiago, o Valle Nevado se beneficia com a facilidade de acesso, a infraestrutura de qualidade e o complexo de lazer composto por 15 pistas de esqui, restaurantes e espaços para a prática de asa-delta e parapente.

Bariloche – Argentina

O centro de esqui de Bariloche possui mais de 120 km de pistas para quem busca praticar esportes de inverno. Além de esqui e snowboard, os visitantes podem subir em bondinhos e teleféricos do Monte Catedral, praticar tirolesa, trenó e tobogã na água no parque Piedras Blancas ou ainda fazer passeios em motos de neve no Centro de Esqui Nórdico.