Intercâmbio para crianças e adolescentes

5 vantagens do intercâmbio para crianças e adolescentes

Diário de viagem: gratidão por tudo, Cape Town!
8 de abril de 2019
4 cidades para fazer intercâmbio na Espanha
8 de maio de 2019
Mostrar tudo

5 vantagens do intercâmbio para crianças e adolescentes

A experiência de estudar no exterior é agregadora em todos os sentidos, inclusive para crianças e adolescentes. Estudantes menores de 18 anos interessados em viajar para fora e estudar um novo idioma, podem optar por fazer o Intercâmbio Teen. O programa para menores de idade funciona igual ao de adultos, com maior cautela e supervisão da equipe responsável pela viagem. Há também a opção do intercâmbio de férias, que ocorre no período de férias escolares do aluno – geralmente em janeiro e julho.  Ambos os programas costumam ter duração de 2 a 4 semanas.

Estudantes a partir de 8 anos podem viajar para estudar fora e aqueles que saírem do território nacional deverão ter em mãos um documento de autorização dos pais. Os intercambistas podem viajar individualmente, com flexibilidade de datas e roteiro, ou em grupos fechados, com datas e roteiros fechados e acompanhados por um líder da agência. Veja 5 vantagens do intercâmbio para crianças e adolescentes.

1.   Autoestima e confiança

Estudar fora é um desfio em vários aspectos. Aprender um novo idioma, ficar longe da família e se virar sozinho fazem parte do dia a dia do intercambiasta. Sair da zona de conforto e ver o quanto é capaz de se adaptar a um novo ambiente e outras pessoas podem elevar autoestima e melhora a confiança do aluno. Ao final do intercambio, o estudante terá uma outra visão de si e do mundo.

2.   Enriquecimento cultural

Conviver com pessoas de diferentes países e culturas faz com que o aluno cresça como pessoa e, consequentemente, como futuro profissional. É uma oportunidade para incorporação de valores. A partir do momento em que o intercambista percebe que há diferentes visões de mundo, ele está aberto para aproveitar ao máximo as nova experiências e conhecimento.

3.   Aprimoramento do idioma

Atualmente, ser fluente em um segundo idioma é vital para alcançar êxito na carreira profissional. Estudar em sala e ler é importante para assimilar uma nova língua, nada supera a prática diária, vivenciando a cultura do idioma. O intercambio possibilita esse tipo de vivência.

4.   Novas habilidades

Crianças e adolescentes que fazem um intercâmbio no exterior vivem a realidade de países desenvolvidos. Essa experiência possibilita o desenvolvimento de novas habilidades e uma visão ampliada para encontrar soluções antes desconhecidas.

5.   Amizades e networking

Estudar fora possibilita conhecer pessoas da mesma faixa etária de diferentes países. Além de promover contato com professores e outros profissionais. Essa experiência é extremamente valorizada no âmbito profissional e acadêmico.

Leia também:

O que fazer com seu filho adolescente nas férias escolares?

Como escolher o destino ideal para o seu Intercâmbio

Como é ficar em uma casa de família no exterior