Curso técnico com Co-Op no exterior: o que é e como funciona?

Os traços culturais da Nova Zelândia
31 de agosto de 2018
8 passeios para crianças e adolescentes em Toronto
14 de setembro de 2018
Mostrar tudo

Curso técnico com Co-Op no exterior: o que é e como funciona?

Todo mundo sabe da importância de uma segunda língua no currículo profissional. Mas sabe o que é ainda melhor? Ter um diploma ou certificado internacional e experiência no mercado de outro país. Então vamos conhecer um outro jeito de realizar o sonho de estudar e trabalhar fora!

 

O que é?

Os cursos técnicos ou profissionalizantes permitem realizar o ensino focado em uma área específica para qualificação profissional e melhoria do currículo para ingressar no mercado de trabalho. Junto ao aprendizado, surgiu uma forma de desenvolver a teoria na prática, sendo parte obrigatória para a conclusão do Co-Op. Ou seja, o aluno pode trabalhar em cargos relacionados à área de estudo escolhida. Assim, ele se prepara para enfrentar os desafios do mundo dos negócios.

O programa de curso técnico com Co-Op é basicamente a junção entre instituição de ensino e empresa que fornece a oportunidade de estágio durante o curso. Os cursos geralmente abrangem as áreas de Business Administration, Tourism, Marketing, Customer Services e outras.

 

Como funciona

A agenda prevista para o programa é composta por período de aprendizado, busca de emprego, experiência de estágio e recapitulação do conteúdo aprendido com um projeto de trabalho para graduação. Durante as aulas, o aluno será introduzido às práticas, cálculos e estratégias de liderança e comunicação do mundo dos negócios do destino. O curso oferece elevado padrão acadêmico, gestores qualificados e tecnologia de ponta.

Os cursos da modalidade costumam ser de longa duração, entre 24 semanas e 1 ano, além do período de estágio. O período de trabalho não pode ser superior a 50% do total do programa e deve ser de até 40 horas semanais durante o Co-Op.

 

Exigências

Existem algumas exigências para ingressar no programa: é necessário ter mais de 18, ensino médio concluído, proficiência necessária no idioma e renda suficiente para se manter no país durante a duração do curso. O nível mínimo de inglês exigido é o intermediário.

Para que o aluno possa trabalhar, ele não pode estar inscrito em um curso de inglês ou em cursos de ensino inferior a 23 semanas.

O programa é aderido por países como o Canadá, onde é permitido trabalhar legalmente durante os estudos. Todos têm como foco ensinar as estratégias de negócios do próprio país.

 

Vantagens

São inúmeros os benefícios de optar por um curso técnico com Co-Op no exterior. Entre eles:

– O Co-Op auxilia na escolha de determinada área profissional para ser seguida

– Desenvolve habilidades a partir do ramo de mercado escolhido

– Aprimora o idioma e os termos técnicos da profissão

– Constrói um bom network com o ensino multidisciplinar e as diversas áreas de atuação

– Abre portas no mercado profissional com um currículo avantajado

– Auxilia com os gastos de estadia no país

 

Além de todos os benefícios citados acima, o programa permite que você conheça outro país, mergulhe em uma nova cultura e conviva com pessoas nativas e de outras nacionalidades! Se interessou?

 

Aproveite a promoção de Business Communications e Co-Op em Vancouver!